Quinta-feira, 30 de Abril de 2009
Solidão!

Bom dia, e votos de óptimo fim de semana prolongado que, segundo o que dizem os meteorologistas, vai ser primaveril. Eu vou ate ao meu Alentejo onde os campos já estão pintados de vermelho das papoilas, de amarelo, roxo e verde. Ao longo das estradas, as acácias floridas, as estevas, encantam os olhos de quem lá passa.

Ajuda a criança que precisa de ti; ajuda os velhos,

e os jovens te ajudarão quando for a tua vez”

(A. desconhecido)

 

 

 "A maior solidão é a do ser que não ama.
A maior solidão é a do ser que se ausenta, que se defende, que se fecha,
que se recusa a participar da vida humana.
A maior solidão
é a do homem encerrado em si mesmo,
no absoluto de si mesmo,
o que não dá a quem pede o que ele pode dar de amor, de amizade de socorro.
O maior solitário é o que tem medo
de amar,
o que tem medo de ferir e ferir-se,
o ser casto de mulher,
do amigo, do povo, do mundo.
Esse queima como lâmpada triste,
cujo reflexo entristece também tudo em torno.
Ele é a angústia do mundo que reflecte.
Ele é o que se recusa às verdadeiras fontes da emoção, as quais são património de todos, e, encerrados em seu duro privilégio, semeia pedras do alto da sua fria
e desolada torre."



Vinicius de Moraes

 

 

 


:

Publicado por bitu às 11:53
link do post | comentar | ver comentários (8)

Segunda-feira, 27 de Abril de 2009
...

“Quando falares, procura que as tuas palavras

sejam melhores do que o silêncio”

(A. desconhecido)

 



Publicado por bitu às 13:31
link do post | comentar | ver comentários (2)

Segunda-feira, 20 de Abril de 2009
Onde compraremos o pão?

Sendo eu católica (não praticante), estremeci ao ouvir a noticia de o Papa Bento XVI disse durante a sua viagem oficial ao continente africano, que a Sida não se combate só com dinheiro «nem com a distribuição de preservativos que, ao contrário, aumentam o problema». Esta afirmação foi condenada por muitos católicos  e não católicos crescendo a polémica sobre o tema da sexualidade, que a meu ver, continua a ser  tabu para a Igreja Católica.  Nunca fui uma frequentadora assídua da igreja, contudo, sempre que o faço sinto uma enorme paz e, é com muita pena que  vejo que, devido a estas tomadas de atitude, há cada vez mais gente afastada da Igreja. Chocam-me os ideais da igreja católica acerca deste e de outros assuntos. Chega a ser angustiante que sabendo o poder que a igreja tem sobre certos fieis dedicados que respeitando os princípios do Vaticano, não utilizam preservativo. Este não é um problema de moral…é uma realidade da Humanidade.

Mas comecei para aqui a divagar e o meu objectivo inicial era exactamente o oposto. Queria partilhar com todos vocês a alegria que senti ao ler a noticia de  que o arcebispo de Nápoles, cardeal Crescenzio Sepe, oferecerá o salário de um ano e parte de suas economias pessoais para colocar em andamento o fundo de um banco diocesano que concederá microcréditos a pessoas necessitadas. Na sua carta pastoral,  explica que a iniciativa pretende responder à crise actual e concretamente a «emergências de jovens desempregados e daqueles que perderam ou vão perder seus postos de trabalho». 

Como afirmou o Arcebispo Sepe,  a globalização dos mercados  não trouxe uma maior prosperidade e riqueza para todos, mas, ao invés disso, globalizamos a pobreza». Esta atitude mostra um empenhamento na causa dos desfavorecidos…esta deveria ser a missão da Igreja, depois da divulgação da palavra de Deus. Seria a demonstração da fidelidade a Cristo. Se todos, clérigos ou não, doassem um pouco do que têm a mais, se compartilhássemos o pão, se distribuíssemos fraternidade e solidariedade, estaríamos, certamente, a seguir a palavra de Deus e a contribuir para que os idosos, desempregados e os mais desfavorecidos, tenham o seu pão no momento em que a economia não oferece oportunidades.

 



Publicado por bitu às 22:27
link do post | comentar | ver comentários (5)

Domingo, 12 de Abril de 2009
Um dia de cada vez...

 

“Para além de viver e de sonhar,

 

existe algo muito mais importante: acordar”

 

                (António Machado) 

 

Fernando Pessoa,

 

Ah, meu maior amigo, nunca mais

Na paisagem sepulta desta vida

Encontrarei uma alma tão querida

Às coisas que em meu ser são as reais. 

Não mais, não mais, e desde que saíste

Desta prisão fechada que é o mundo,

Meu coração é inerte e infecundo

E o que sou é um sonho que está triste.

Porque há em nós, por mais que consigamos

Ser nós mesmos a sós sem nostalgia,

Um desejo de termos companhia –

O amigo como esse que a falar amamos


beijinhusboquinhas.gif


:

Publicado por bitu às 17:53
link do post | comentar | ver comentários (4)

Quinta-feira, 9 de Abril de 2009
Descansa em Paz,querido Armando!

 

Hoje estou triste...

Tão triste como não me lembro de estar desde há muitos anos

Estou triste porque perdi um grande amigo

O meu querido amigo Armando

Não quero acreditar

Ontem tudo estava bem

Parece um sonho mau

Nós quatro estávamos sempre de acordo

Os nossos passeios, o falar dos netos...

As tuas brincadeiras

Ninguém mais para me chamar Maria Bitu

Para me fazer rir...

Ficou tanto por fazer...

Não tivémos oportunidade de te dizer Adeus

De dizer como te amávamos

Mas tu sabias, AMIGO

Sabias do lugar tão especial que ocupavas e sempre ocuparás

nos nossos corações

Estarás sempre presente

Descansa em Paz, meu grande amigo

Um dia nos encontraremos

 

Para ti estas flores e este cavaquinho (duas das tuas paixões)

 

 


:

Publicado por bitu às 13:56
link do post | comentar | ver comentários (1)

Feliz e Santa Páscoa para vocês!!

Páscoa significa "passagem".

Passagem para uma nova vida, baseada no Amor.

Por isso, Páscoa é tempo de  reflexão, fé e esperança...


Na reflexão,... peço a Deus que nos proteja o caminhar, fortalecendo e amparando as nossas realizações,  sentimentos e ternura

É tempo de agradecermos  por tudo que temos e por tudo que teremos.
Páscoa é um sentimento nos nossos corações de esperança, fé e confiança.

É dia de milagres; é dia dos nossos sonhos parecerem estar mais perto.

É acreditar no amor puro e verdadeiro

 

Tempo de meditar, de buscar,
de agradecer, de plantar a paz.

Tempo de orar!!!
Tempo de abrir os braços, de abrir as mãos
e de ser irmão

Tempo de recomeço!
Tempo de concessão, de compromisso,
de salvação.

Tempo de passar...



 


:

Publicado por bitu às 00:00
link do post | comentar | ver comentários (1)


.:Madrinha ISA(SINGULARIDADES):.